A Argentina é o 8.º maior país, com seu território gigantesco abrangendo praticamente todos os climas possíveis: do calor quase insuportável ao frio extremo.

Não é à-toa que o país criou diversos hábitos, dentre eles os relacionados às comidas e bebidas que produz, consome e exporta.

Quem pensa que o país é somente um excelente produtor de vinho, pode estar enganado, pois, sua cultura é tão grande quanto seus hábitos, e eles se transformam em verdadeiras pérolas para os turistas.

Por isso, montamos uma lista com as 10 bebidas que você precisa provar e, é claro, desfrutar de todos os climas de lá comendo e bebendo muito bem!

As Melhores Bebidas Típicas da Argentina

Ressaltando que a lista não está em ordem de “melhor para pior” ou vice-versa. Apenas enumeramos para ficar mais fácil de identificar e encontrar a opção que mais agrada o seu paladar.

1. Vinho

vinhos argentinos

Créditos: Hotel Fazenda Colina Verde (Flickr)

Mendoza, San Juan, Salta, La Rioja, Molinos, Cafayate, Catamarca e Patagônia. Estas são as cidades e grandes produtores de vinho na Argentina, cuja qualidade já é reconhecida no mundo inteiro.

Antes dos anos 90, mal se ouvia falar sobre vinho no país de capital portenha, mas houve uma reestruturação tanto no plantio quanto no cuidado com as uvas, resultado em bebidas sensacionais.

Por isso, se você já sabia que o vinho é uma das bebidas típicas da Argentina, além de mais famosas, saiba que isso ainda é recente e que se tornou grande orgulho para toda a Argentina.

Desta forma, é claro que você precisa provar ao menos dois cálices.

2. Mate argentino

mate argentino

Créditos: Judith Troncoso (Flickr)

O mate argentino é semelhante ao chimarrão gaúcho e brasileiro, inclusive na forma harmoniosa e social com a qual a bebida é consumida.

A planta, o mate do nome, passa por alguns processos antes de ser consumida. Ela é seca, cortada e moída e, só então, é feito uma infusão, resultando em uma bebida amarga, mas amplamente consumida em toda a Argentina.

É possível tomar da mesma forma com a qual se toma o chimarrão, mas aqui os nomes são: calabaza (cuia) e a bombilha, que é o canudo metálico. Como no Brasil, os argentinos costumam dividir a bebida, principalmente após as refeições.

3. Suco de pomelo

pomelo

Créditos: Anastasia Shilova (Flickr)

Muito comum na Argentina, o suco de pomelo, ou toranja, é uma das bebidas típicas da Argentina, principalmente nas estações mais quentes.

Por ter um sabor amargo e azedo ao mesmo tempo, o suco dessa fruta não é enjoativo, permitindo se refrescar quando está gelado, além de proporcionar grande ingestão de vitamina C.

Caso queira experimentar o suco, evite suas versões industrializadas. Apesar de ser uma fruta asiática, os argentinos dão grande valor ao seu consumo, então sinta-se em casa na hora de provar.

4. Sangria Blanco

sangria blanco

Os argentinos adoram sabores fortes e marcantes, seja em sua comida ou bebida.

Por outro lado, não são tão apegados às bebidas excessivamente doces, a não ser que seja em pouca quantidade.

Uma exceção à regra é a sangria Blanco, ou clericó, que é feita com vinho branco suave e, como em uma sangria, leva fruta e outra bebida, geralmente mais forte.

Na Argentina, o clericó pode levar kiwi, cereja, pêssego, uva, abacaxi, maçã ou laranja, complementado por água com gás e Cointreau. É uma verdadeira delícia refrescante e alcoólica!

5. Americano Gancia

gancia americano

Créditos: Francisco Baudizzone (Behance)

O Americano Gancia é uma bebida pronta que costuma agradar aos argentinos como um aperitivo, que vai bem antes das refeições, ou ao final de tarde, para fechar o dia.

É uma espécie de vinho, cuja composição também inclui ervas, pimentas e frutas, o que dá um resultado bastante peculiar, por isso, consumido gradualmente.

Contudo, muitas pessoas o utilizam para fazer outras bebidas, como batidas ou drinques mais completos, cujos sabores se tornam uma grande festa na boca.

A origem desta bebida (ou de seu hábito) vem dos países de maioria imigrante na Argentina: Itália e Espanha.

6. Fernet

fernet

Créditos: Rótulo Fernet Thoquino (Behance)

Eis mais uma bebida pronta que costuma agradar aos argentinos como aperitivo: o Fernet. Com teor alcoólico de 45%, é a bebida que melhor combina com outras fórmulas.

Seu sabor é amargo, então há quem o faça como complemento de refrigerantes, geralmente os mais doces, como de Cola ou Limão, com gelo e muita disposição para não se embebedar durante o dia.

Também de origem italiana, esta bebida é bastante vista em praticamente todos os lares da Argentina.

7. Soda en sifón

soda en sifon

Créditos: SBA73 (Flickr)

Não é exatamente uma bebida, mas sim um hábito.

Os argentinos gostam de usar o sifão para gaseificar seus drinques e evidenciar diversos sabores.

Encontrado em praticamente todo supermercado, o sifão combina com bebidas que levam frutas e outro complemento, geralmente de alto teor alcoólico.

8. Submarino

Bastante conhecido no Brasil, o Submarino é uma das bebidas típicas da Argentina, principalmente nos meses mais frios, em cidades do centro ao sul do país.

Por ser muito fácil de se encontrar em cafeterias, é provável que você encontre variações da clássica combinação de leite e chocolate.

A fórmula tradicional é simples: em uma caneca, geralmente de vidro e transparente, é servido leite quente sem adição de açúcares. Na hora em que chegar à sua mesa, uma barra de chocolate é adicionada.

Você vai acompanhar o chocolate derretendo enquanto bebe o seu leite, com o final da bebida, se é que o chocolate vai chegar até lá, sendo completamente cremoso.

9. Licor de doce de leite

licor dulce de leche

Créditos: José María Mateos (Flickr)

Por falar em cremosidade, o Dulce de Leche, ou doce de leite, é uma das sobremesas mais admiradas da Argentina. Por isso, nada mais natural do que uma bebida alcoólica como sua variável.

O licor de doce de leite é uma grande celebração à sobremesa, sendo apreciado em todo o país como um de seus principais aperitivos.

Além disso, para deixar sobremesas ainda mais saborosas, ele é utilizado na confeitaria, como em bolos e tortas, para evidenciar e aromatizar, deixando tudo mais gostoso.

10. Chicha

chica

A chicha é uma bebida tão celebrada na Argentina que existe um festival uma vez por ano para celebrá-la.

Feita à base de fermentação de milho, o resultado é uma mistura doce e alcoólica do cereal, de cor amarelada, com aroma indiscutivelmente convidativo.

Como sua origem é indígena, há outras receitas com diferentes cereais, mas o principal e mais usado é o de milho.

Onde Reservar Passeios e Serviços com os Melhores Preços?

Organizando sua viagem para a Argentina? Quer economizar na compra dos ingressos para as atrações?

A Civitatis é uma agência de viagens online especializada em passeios e experiências em diversas cidades do mundo todo – 100% confiável.

Além de oferecer centenas de ingressos diferentes (inclusive excursões GRÁTIS), ela consegue um preço único e abaixo do mercado para que você conhecer os principais passeios – com IOF incluso e cancelamento grátis até 48 horas antes da data marcada.

Para te ajudar, a empresa está com promoções relâmpago e com descontos específicos!

Atenção: se quiser garantir o seu desconto, não demore. A promoção irá terminar em 10 de julho de 2020.

Clique no botão abaixo e reserve agora uma disputada entrada – sem ter que pegar fila na hora.

Denis

Denis

Sou apaixonado por turismo e cinema, crítico de cinema e publiquei um livro sobre intercâmbio em Londres. Quer conhecer o mundo? Eu te levo!

Deixe um comentário

Wow look at this!

This is an optional, highly
customizable off canvas area.

About Salient

The Castle
Unit 345
2500 Castle Dr
Manhattan, NY

T: +216 (0)40 3629 4753
E: hello@themenectar.com