Buenos Aires é uma cidade histórica, pois desde o século XVI sua fundação começou a ganhar espaço na região, que hoje abriga a capital e maior cidade da Argentina.

Com isso, o valor arquitetônico da cidade ganha destaque diante do turismo local, chamando a atenção dos turistas que por ela passam, sobretudo para conhecer mais sobre suas raízes.

Não é à-toa, então, que a Manzana de Las Luces (ou Luzes) ganhou destaque, desde que foi percebido que o local tem grande potencial para o turismo.

Localizada no centro da cidade, trata-se de um quarteirão (manzana), cuja importância histórica data de 1821, quando ganhou o nome por um jornal da época, El Argo.

Vamos descobrir nesse review se o passeio por Manzana de Las Luces vale a pena ou não.

Localização

🚗 Onde Fica

O Manzana de Las Luces está localizado entre quatro vias, Bolívar, Alsina, Avenida Julio A. Roca e Perú.

📍 Lugares Próximos

  • Casa Rosada (650 metros);
  • Plaza de Mayo (1,4 km);
  • Puente de La Mujer (1,9 km);
  • Obelisco de Buenos Aires (2 km).

A passagem do tempo e a importância do La Manzana de Las Luces

De lá para cá, o local serviu para diversas construções, o que mostra o quanto sua história hoje é de grande importância para Buenos Aires e, em consequência, para você, que quer conhecer mais sobre a cidade.

O quarteirão Manzana de Las Luces, é delimitado pelas ruas Bolóivar, Alsina, Avenida Julio A. Roca e Perú. Ou seja, para chegar até o local, caso queira ir por conta, basta seguir as orientações de seu mapa da cidade.

Como o local abrigou diversas instituições importantes para a história da cidade, você vai se deparar com descrições sobre a Igreja de Santo Inácio, Universidade de Buenos Aires e um dos colégios mais famosos, o Colégio Nacional de Buenos Aires.

Por estar no centro da região portenha, é fundamental entender que a Igreja de Santo Inácio foi a primeira da cidade, finalizada em 1722.

As entidades que passaram por aqui e o que isso significa para a Argentina

A instituição de ensino já foi Colégio Santo Inácio, Colégio São Carlos e hoje, sendo o Colégio Nacional de Buenos Aires, é responsável pela formação de diversos políticos, artistas e intelectuais do país.

Além disso, no mesmo quarteirão estiveram entidades essenciais ao país, como a primeira Biblioteca Nacional, que ocupava parte da construção com sua infinidade de livros.

O primeiro teatro e o primeiro museu também foram ali, o que dá ainda mais significado à construção.

Ou seja, em apenas um quarteirão (ou bloco) do centro de Buenos Aires, você encontra um ponto histórico de grande valor para a Argentina, assim como um dos pontos turísticos mais procurados por quem viaja ao país.

O resultado, é claro, é o silêncio. Não espere um museu repleto de artigos artísticos expostos, ou uma infinidade de atividades para fazer, com espaços especiais e workshops.

A função da Manzana de Las Luces não é essa, mas sim dignificar a importância da história de Buenos Aires e, é claro, de todo o país.

Ali você vai respirar um pouco de cada entidade que esteve alocada em um dos edifícios, ou em todos eles. Isso faz parte do coração da cidade, ou seja, é perfeito para você conhecer a fundação da Argentina.

Manzana de Las Luces

Como aproveitar ao máximo o Manzana de Las Luces?

Por se tratar de um ponto turístico repleto de história, muitas pessoas acreditam que o local fica aquém do que elas esperam.

Entretanto, é necessário ter em mente o quanto é importante para os argentinos esse quarteirão repleto de cultura e de tudo o que o país passou nos últimos séculos.

É exatamente esse o motivo de ser considerado um passeio parado.

Desta forma, para você aproveitar ao máximo, e conhecer seus detalhes, seguem algumas dicas.

  • Vá preparado para caminhar por um bom tempo, mesmo que você fique na frente do local de carro, pois o interessante é conhecer o quarteirão e suas nuances, assim como seus detalhes, e bater perna por seu entorno;
  • Ao bater perna, você vai perceber que essa é uma região que foge do lado chique da cidade, pois é ocupada por prédios de arquitetura secular, ou seja, são antigos e muitas vezes considerados patrimônios nacionais;
  • Por isso, é fundamental que você conheça o passeio tendo em mente que não haverá luzes, cores ou atrações para rir. É uma atração turística silenciosa, na qual as paredes e o chão respiram história;
  • Há, por exemplo, os túneis subterrâneos no Manzana de Las Luces, que tanto serviam para que os jesuítas pudessem transitar de um ponto ao outro, no século XVIII, como também para contrabando de mercadorias;
  • Muitos dizem que os túneis são obras dos maçons ou outros grupos considerados seitas, o que aumenta o mistério entorno do local.

Desta forma, você percebe que, apesar de simples e silencioso, há muito mistério envolvido por ali? Quantos políticos, filósofos e artistas argentinos passaram por lá? Quantas pessoas perderam suas vidas ali?

Com essas questões e a vontade de saber mais, você tem em mãos um passeio para explorar o passado da Argentina dentro de um quarteirão, mas muito mais para se conhecer nas ruas e estabelecimentos ao seu redor.

Além disso, a visita pode ser guiada, o que lhe trará mais informações sobre o local, que passou por diversas mudanças desde que foi considerado patrimônio histórico, por isso, conta com várias explicações.

Onde fica e qual é o seu horário de funcionamento?

O Manzana de Las Luces fica localizado entre quatro vias, Bolívar, Alsina, Avenida Julio A. Roca e Perú.

Seu horário de funcionamento é de segunda a sexta, às 15:00 horas. Aos sábados e domingos, há três horários: 15:00, 16:30 e 18:00 horas.

Quanto custa o passeio e como comprar e reservar o ingresso?

O passeio custa $50 pesos, e pode ser comprado por uma agência de turismo, com antecedência quando se tratar de excursão, ou no próprio local.

Onde Reservar Passeios e Serviços com os Melhores Preços?

Organizando sua viagem para a Argentina? Quer economizar na compra de passeios incríveis?

A Civitatis é uma agência de viagens online especializada em passeios e experiências em diversas cidades do mundo todo – 100% confiável.

Além de oferecer centenas de ingressos diferentes (inclusive excursões GRÁTIS), ela consegue um preço único e abaixo do mercado para que você conhecer os principais passeios – com IOF incluso e cancelamento grátis até 48 horas antes da data marcada.

Para te ajudar, a empresa está com promoções relâmpago e com descontos específicos!

Atenção: se quiser garantir o seu desconto, não demore. A promoção irá terminar em 15 de agosto de 2020.

Clique no botão abaixo e reserve agora uma disputada entrada – sem ter que pegar fila na hora.

O Manzana de Las Luces é bom? Conheça os Prós e os Contras!

É difícil colocar na balança o quanto cada passeio vale a pena ou não, o que torna muito mais difícil decidir o que fazer com o seu tempo em Buenos Aires.

Por isso, é preciso refletir sobre quanto tempo você tem e o que está disposto a incluir no seu roteiro pela cidade.

Preparamos duas listas, com pontos positivos e negativos, para te ajudar a entender se o Manzana de Las Luces vale a pena mesmo.

Pontos positivos

  1. Trata-se de um dos principais pontos históricos de Buenos Aires, que abrigou diversas entidades fundamentais à Argentina ao longo dos séculos, e que hoje abriga um verdadeiro centro de visita para os amantes de história;
  2. Se em um quarteirão estiveram o primeiro museu, teatro, igreja, escola e universidade do país, sua importância é grande o suficiente para ser visitado por quem vai a Buenos Aires;
  3. Pelo valor da entrada, você conhecerá um quarteirão silencioso, no bairro portenho, cujo entorno está repleto de movimento e que aqui encontrou um respiro devido à sua importância.

Pontos negativos

  1. Se você não é fã de história, sua visita poderá ser prejudicada pela falta de interação do local, que não apresenta mais do que sua infraestrutura para o turista;
  2. Talvez a quantidade de entidades que passaram por ali tornem sua visita confusa, se você não optar pelo guiamento e tiver apenas as paredes e o chão para te contar a história;
  3. Caso não queira se aprofundar nos bairros tradicionais de Buenos Aires, o La Manzana de Las Luces não é um dos pontos obrigatórios, que te levarão a trocar o tango pela história.

Estrutura do Manzana de Las Luces

Manzana de Las Luces Vale a Pena Mesmo?

Sim, o passeio Manzana de Las Luces vale a pena.

O local é silencioso, as paredes e o chão estão ali para contar parte da história argentina. Isso pode ser muito para alguns e pouco para outros. Tudo vai depender de qual perfil faz o seu estilo.

Se você curte história e vai a Buenos Aires para sair do lugar-comum, é recomendável que pesquise um pouco antes e vá ao Manzana de Las Luces com guiamento, para ter mais informações sobre o local.

No final das contas, ainda tem a região inteira para bater perna e conhecer ainda mais a cidade, de forma independente, e cheio de entusiasmo depois de tudo o que conheceu nesta atração turística.

Quais são os hotéis mais próximos de Manzana de Las Luces?

Os hotéis mais próximos de Manzana de Las Luces são: 562 Nogaro (0,1 km); NH City & Tower Hotel (1,0 km) e Arribo Buenos Aires Hotel Boutique (0,9 km).

Quais são os restaurantes mais próximos de Manzana de Las Luces?

Os restaurantes mais próximos de Manzana de Laz Luces são: D'Oro Italian Bar (0,1 km); Carne (0,7 km) e El Historico (1,0 km).

Denis

Denis

Sou apaixonado por turismo e cinema, crítico de cinema e publiquei um livro sobre intercâmbio em Londres. Quer conhecer o mundo? Eu te levo!

Deixe um comentário

Wow look at this!

This is an optional, highly
customizable off canvas area.

About Salient

The Castle
Unit 345
2500 Castle Dr
Manhattan, NY

T: +216 (0)40 3629 4753
E: hello@themenectar.com