A Patagônia é um dos destinos que mais transformam a vida das pessoas e isso é fato.

Tanto o lado argentino quanto o chileno, escondem segredos naturais tão belos quanto intrigantes e, se você tiver a sorte de visitar esse lugar, saiba que estará entrando em uma aventura inigualável.

A beleza da Patagônia da Argentina, por exemplo, trazem cidades como El Calafate e Ushuaia como as responsáveis por tornar a viagem algo inesquecível.

Isso será feito logo nos primeiros minutos nesses lugares.

Contudo, se você tem dúvidas sobre a melhor época para ir a Patagônia, veja, a partir de agora, como é a região em cada época do ano e, então, tire suas próprias conclusões sobre o período ideal para você.

Cidade Ushuaia

Ushuaia

A estrutura da região para te receber bem o ano inteiro

Como a Patagônia se divide entre Argentina e Chile, você vai conhecer neste pequeno guia sobre as principais cidades argentinas dessa região: El Calafate e Ushuaia.

El Calafate conta com apenas 22 mil habitantes, mas sua infraestrutura é excelente para receber turistas de todas as partes do mundo.

A rede de hospedagens é vasta, completa e muito bonita, o que combina perfeitamente com a região, bastante árida, mas que conta com atrações inesquecíveis.

Já Ushuaia é uma cidade que você vê como o turismo parece ter chegado de surpresa e, pouco a pouco, está transformando sua estrutura.

Os hotéis ainda estão alcançando alguns bons patamares, mas há restaurantes e atrações turísticas igualmente belos, assim como a natureza de seu entorno.

Os ventos do outono na Patagônia te levarão a diversas aventuras

Entre o final de março e a primeira metade de junho, o outono toma conta da região da Patagônia, assim como no Brasil.

Como o frio do inverno de lá é muito intenso, esses meses têm grandes diferenças entre um e outro.

Os primeiros 45 dias do outono simbolizam a meia estação, quando as cidades estão se despedindo do sol e dos dias mais longos, com temperaturas máximas beirando os 16ºC e as mínimas chegando aos 4 °C, as noites são bastante frias.

Por outro lado, é justamente nessa primeira metade do outono que os preços de hotéis e restaurantes estão mais em conta, pois os turistas do verão já deixaram as cidades e os amantes do frio ainda não chegaram.

A oportunidade é ótima, também, para curtir atividades ligadas à natureza, como trilhas e ciclismo, além dos tours por diversos parques e montanhas.

Já a segunda metade do outono traz dias mais frios, com o encerramento de algumas atividades ao ar livre de, pois as roupas de frio começam a dominar o cenário das ruas e estradas.

É provável que em junho a neve comece a dar sinal de vida, então, se você quer curtir as pistas de esqui, este é o momento de começar.

Se quer apenas curtir o frio de uma das regiões mais inóspitas do mundo, fique à vontade também.

Balcones de El Calafate

O inverno e as grandes atrações da cidade que atraem milhares de turistas

O final de junho traz a neve mais forte à região da Patagônia, que começa a ser dominada por cenários esbranquiçados e cada vez mais distantes das cores que você poderá conferir no verão.

Por ser muito frio no sul da Argentina, muitos turistas preferem não ir à Patagônia no inverno, sobretudo entre julho e agosto, nos meses inteiros, quando a temperatura média fica em 0 °C, podendo chegar a mínimas de -10 °C facilmente.

Ushuaia, por exemplo, é considerada a cidade mais próxima da Antártida em toda a América do Sul, então é evidente o quanto sua viagem poderá ser tão fria quanto a região.

Muitas agências de turismo, nem sequer operam no auge do inverno, pois diversas partes daqueles lugares ficam interditadas, intransitáveis.

Se quiser curtir o inverno, evite o seu auge e tente aproveitar o final de junho ou o começo de setembro.

Como pode notar, o turismo fica em baixa, então muitas hospedagens também se encontram mais baratas.

Talvez a opção que você tenha é ficar trancado em uma delas e curtir o conforto que a rede hoteleira da Patagônia tem para oferecer. Se é o que você procura, frio intenso, então, essa é a melhor época para ir a Patagônia.

Mini Trekking no Perito Moreno

Mini Trekking no Perito Moreno

A primavera chegou e a natureza começa a ganhar vida na Patagônia

No final de setembro a natureza começa a ganhar vida novamente em toda a região da Patagônia.

Em Ushuaia, o Parque Nacional Terra do Fogo, por exemplo, promete voltar a encantar pelo acesso à natureza de forma tão pura.

Assim como a gigantesca Perito Moreno, em El Calafate, e sua imponente forma de aproximar as pessoas ao gelo e ao som estridente dele partindo e caindo na água.

Enquanto o restante do gelo, o não formado por geleiras, começa a derreter, os lagos e as florestas volta a ganhar suas respectivas cores, que combinam perfeitamente com o céu cada vez mais azul.

As temperaturas máximas chegam a 18 °C em novembro, mas as noites continuam frias, com 5 °C alcançados quase sempre. Ou seja, é época de colocar diferentes estilos de roupas nas malas.

Aliás, é uma época excelente para visitar a região, pois continua sendo baixa temporada, o que significa que os hotéis e restaurantes estarão em busca de pessoas, com preços mais acessíveis.

Os passeios não estão concorridos e, se puder ir antes de dezembro, encontrará uma região em plena transformação.

O verão e a inusitada estrutura de uma cidade gelada

A alta temporada é mesmo no verão, quando a natureza fala mais alto e as árvores estão no ápice do verde, as lagoas azuis como nunca e os esportes e atividades relacionadas ao meio ambiente estarão com tudo.

Incluindo as já citadas caminhadas e pedaladas, mas também rapel e até mesmo mergulho.

Outro fator que torna o verão a alta temporada da Patagônia, é que os parques de suas cidades, assim como a visita às geleiras, estarão muito mais tranquilos, com diversas atividades a serem feitas, como ver os pinguins que aportam por ali para acasalar.

Por outro lado, apesar de ser a época mais gostosa de se passar na Patagônia, com as máximas de 20 °C, é justamente quando o turismo está em seu ápice, o que significa que as reservas em hotéis, restaurantes e passeios precisam ser feitas com bastante antecedência.

Sendo assim, para curtir a cidade com clima agradável, essa é a melhor época para ir a Patagônia.

Onde Reservar Passeios e Serviços com os Melhores Preços?

Organizando sua viagem para a Argentina? Quer economizar na compra dos ingressos para as atrações?

A Civitatis é uma agência de viagens online especializada em passeios e experiências em diversas cidades do mundo todo – 100% confiável.

Além de oferecer centenas de ingressos diferentes (inclusive excursões GRÁTIS), ela consegue um preço único e abaixo do mercado para que você conhecer os principais passeios – com IOF incluso e cancelamento grátis até 48 horas antes da data marcada.

Para te ajudar, a empresa está com promoções relâmpago e com descontos específicos!

Atenção: se quiser garantir o seu desconto, não demore. A promoção irá terminar em 26 de outubro de 2020.

Clique no botão abaixo e reserve agora uma disputada entrada – sem ter que pegar fila na hora.

Quando tem neve na Patagônia argentina?

A neve costuma começar, na Patagônia argentina, no final de junho, chegando a cair até meados de setembro, quando o inverno começa a se despedir de toda a região.

Entre seu início e seu fim, a neve cai muito forte em julho e agosto.

Qual a temperatura média da Patagônia?

A temperatura média da Patagônia é de 7 graus, mas durante o verão ela chega a 20 graus e, no inverno, a -10 graus, sempre durante o dia.

À noite, sempre há frio, com a média em 3 graus, sendo que no verão ela chega a 6 graus e, no inverno, a -15 graus.

Denis

Denis

Sou apaixonado por turismo e cinema, crítico de cinema e publiquei um livro sobre intercâmbio em Londres. Quer conhecer o mundo? Eu te levo!

Wow look at this!

This is an optional, highly
customizable off canvas area.

About Salient

The Castle
Unit 345
2500 Castle Dr
Manhattan, NY

T: +216 (0)40 3629 4753
E: hello@themenectar.com