El Chaltén não é mais apenas um assentamento rural em uma longínqua região da Patagônia Argentina.

Há tempos atrás, era um local de difícil acesso, visitado apenas por mochileiros e profissionais de trekking.

Hoje a vila se tornou uma cidade, uma das mais novas cidades da Argentina, e cada dia mais recebe muitos turistas, a maioria, alucinados por aventura.

Agora com acesso facilitado, a cerca de duas horas do aeroporto de El Calafate, você também pode conhecer este local que conta com paisagens surpreendentes, figurando entre um dos locais mais bonitos do mundo.

O Que Fazer em El Chaltén?

Se você está se preparando para se aventurar por El Chaltén, vamos mostrar agora o que você vai encontrar neste local incrível.

A cidade é considerada o berço do trekking, todos em busca dos lagos de águas azuis, fauna riquíssima e também as montanhas mais difíceis de escalar do mundo

Não é fácil chegar ao pico das montanhas de El Chaltén, e nem é devido a sua altitude, mas sim pelas condições.

Portanto, só se arrisque se você for um profissional, mas mesmo que não resolva escalar, a trilha é surpreendente mesmo assim.

Confira agora boas opções do que fazer na linda cidade argentina.

1. Laguna de Los Três e base Fitz Roy

Laguna de Los Tres

Laguna de Los Três

Uma das trilhas mais bonitas e preferidas pelos turistas.

Nesta caminhada em um trecho de 25 quilômetros, de ida e volta, não há trechos de muita elevação e dificuldade, apenas pequenas passagens com rochas soltas, mas sem nenhum grande perigo.

O caminho é até o Monte Fitz Roy, que fica bem na fronteira entre a Argentina e Chile, e conta com um visual incrível e único.

Ele conta com 3375 metros de altitude e só pode ser escalado por profissionais, já que a subida é de extrema dificuldade.

O grande prêmio da caminhada é a Laguna de Los Tres, localizada na base do Fitz Roy.

A altitude até a base do monte é de 1200 metros, o que não atrapalha na questão de oxigênio.

2. Laguna Torre

Laguna Torre

Laguna Torre

A trilha da Laguna Torre também é uma das preferidas, uma caminhada de 3 horas para ir, e três para voltar até El Chaltén.

O caminho é muito bonito, com incríveis vistas de lagos, vales, das montanhas ao fundo e também de muitos animais, como raposas, coelhos e, se der muita sorte, alguns pumas ao longe.

Vale dizer que é um caminho fácil, porém com muitas bifurcações, o ideal é sempre ir com a presença de um guia experiente.

O único período de dificuldade do passeio é na primeira hora, com uma subida cansativa, mas que vale a pena.

O passeio passa pelo acampamento da base D’Agostini e segue até o destino, a Laguna Torre.

É uma caminhada que vale cada minuto, pois a Lagoa é extensa, a coloração da água chama a atenção e também o visual ao redor.

Formada pelo degelo do Cerro Torre, que conta com 3100 metros de altura, vale a pena colocar a mão nas águas quase congelantes da Laguna.

Se você quer conhecer vistas lindas, vale a pena adicionar o passeio na lista do que fazer em El Chatén.

3. Miradores Los Cóndores e Las Águilas

Miradores Los Condores

Miradores Los Cóndores

É uma das trilhas mais fáceis e também mais curtas, mas não perde em beleza e também em aventura.

Começando em El Chaltén, ela conta com um caminho muito fácil de 6 quilômetros, que geralmente leva em torno de 3 horas para ir e voltar, contando paradas para fotos e caminhada.

O Mirante conta com uma vista privilegiada de toda a cidade de El Chaltén, além de contar com vistas para o Cerro Fitz Roy e Cerro Torre, se o tempo colaborar.

Depois de uma parada para fotos, o caminho segue até o mirante de Las Águilas, com vistas para a “Ruta 41”, estrada que vai até o Chile.

Apesar de contar com um desnível no começo, a maioria do passeio é plano, cansando menos.

4. Chorrillo Del Salto

Chorrillo Del Salto

Chorrillo Del Salto

Um roteiro que pode ser incluído facilmente entre outra trilha, como a dos Miradores Los Cóndores e Las Águilas, já que é curta e leva a metade de um dia.

Não só pela facilidade, a Chorrillo Del Salto é uma linda cachoeira localizada no Parque Nacional Los Glaciares, que conta com 20 metros de altura e desemboca no Río de las Vueltas.

O caminho até a cachoeira desde a rua San Martín, principal via de El Chaltén, é de apenas 4 quilômetros, por um caminho lindo entre o bosque.

Se você for durante o inverno, vai ter a sorte de contemplar uma das maravilhas da natureza, a cachoeira com sua água congelada.

Não é permitido tomar banho na cachoeira e, mesmo que fosse, apenas os mais corajosos topariam, pois, a água é congelante.

Antes de começar a caminhada, não se esqueça de se agasalhar bastante, já que os ventos são muito fortes.

Item indispensável no roteiro do que fazer em El Chaltén.

5. Laguna Capri

Laguna Capri

Laguna Capri

A caminhada até a Laguna Capri é uma das mais demoradas, já que conta com um caminho mais longo e com diversas paradas.

O roteiro começa em El Chaltén com direção ao primeiro mirante, que conta com uma linda vista do Cerro Fitz Roy.

Torça para que o tempo esteja aberto para poder ver o pico.

Depois do primeiro mirante, a caminhada conta com uma parte difícil, que é uma subida de praticamente uma hora.

Não se preocupe, pois, os guias fazem diversas paradas, para fotos, contemplar a vista para o vale do Rio las Vueltas e também do famoso Fitz Roy.

Depois de mais 45 minutos de passeio com muitas vistas lindas e também muito vento, dependendo da estação, é possível ter uma vista mais emblemática do Fitz Roy, antes de fazer uma parada em um parque de campismo, bem no meio de uma floresta.

A seguir, basta caminhar mais um pouco até chegar a linda Laguna Capri, que também conta com um parque de campismo, sempre com visitantes de diversas partes do mundo e, claro, muitos brasileiros.

É uma trilha que exige um pouco mais do condicionamento físico, mas não é um caminho difícil. Vale a pena demais ter essa experiência.

Onde Reservar Passeios e Serviços com os Melhores Preços?

Organizando sua viagem para a Argentina? Quer economizar na compra de passeios incríveis?

A Civitatis é uma agência de viagens online especializada em passeios e experiências em diversas cidades do mundo todo – 100% confiável.

Além de oferecer centenas de ingressos diferentes (inclusive excursões GRÁTIS), ela consegue um preço único e abaixo do mercado para que você conhecer os principais passeios – com IOF incluso e cancelamento grátis até 48 horas antes da data marcada.

Para te ajudar, a empresa está com promoções relâmpago e com descontos específicos!

Atenção: se quiser garantir o seu desconto, não demore. A promoção irá terminar em 10 de julho de 2020.

Clique no botão abaixo e reserve agora uma disputada entrada – sem ter que pegar fila na hora.

Quanto levar de dinheiro para El Chaltén?

Os passeios e trekkings pela área, com guias especializados, custam por volta de 1000 a 4000 pesos argentinos, o equivalente a 200/800 reais.

Com custos de estadia e alimentação, dependendo da quantidade de passeios você quer fazer, o ideal é levar de 1500 a 2500 reais.

Uma dica importante: leve peso argentino em espécie para os passeios, pois a maioria não aceita cartões de crédito e nem reais.

O que é mais recomendado para aproveitar em 1 dia?

El Chaltén conta com três trilhas ideias para se aproveitar em até um dia cada uma: Miradores Los Cóndores e Las Águilas (6 km), Laguna Capri (Até 10 km) e Laguna Torre (24 km).

Outra dica de trekking ideal para se fazer em um dia é da Laguna de Los Três e base Fitz Roy.

Qual a melhor época para visitar El Chaltén?

Durante a primavera e verão, os melhores meses são de outubro a março, onde o clima é mais favorável, não neva e as vistas são privilegiadas com o tempo aberto.

Como é El Chaltén no inverno?

É praticamente impossível aproveitar a cidade no inverno, pois a maioria das hospedagens não funciona devido ao frio que é bastante intenso.

Evite El Chaltén entre maio e setembro.

Quantos dias ficar em El Chaltén?

Existem passeios que você consegue fazer em um dia, outros que duram apenas um dia. O ideal é ficar pelo menos 3 dias em El Chaltén.

Onde ficar em El Chaltén?

A cidade conta com alguns albergues simples e um hotel mais luxuoso, o ou00a0Chalten Suites Hotel, o qual recomendamos, já que ele conta com café da manhã, suítes confortáveis e um supermercado próximo.

Eduardo Godoi

Eduardo Godoi

Jornalista, Músico e um verdadeiro fissurado por Cruzeiros e viagens. Com passagem pelo SBT Campinas como diretor de esportes, adora escrever reviews de viagens e tocar na banda Black Betty, de Campinas.

Deixe um comentário

Wow look at this!

This is an optional, highly
customizable off canvas area.

About Salient

The Castle
Unit 345
2500 Castle Dr
Manhattan, NY

T: +216 (0)40 3629 4753
E: hello@themenectar.com