San Martín de los Andes é outro paraíso localizado a noroeste da Patagônia, local que conta com muitas paisagens naturais, flora e fauna riquíssimas e diversas opções de passeios.

Um dos grandes destaques é o vulcão Lanín, localizado no Parque Nacional Lanín, que conta com uma floresta incrível e animais como guanacos e também pumas.

Outro local que recebe diversos visitantes todos os anos é o Lago Lácar, um lago glacial que é cartão postal da cidade.

É um destino turístico muito visitado durante o verão e também no inverno, que conta com neve durante, pelo menos, 3 meses.

A cidade também conta com diversos passeios guiados, museus, expedições, esqui e muito mais. É um ótimo destino para conhecer as belezas da Patagônia, bem aos pés da Cordilheira dos Andes.

Separamos algumas recomendações do que fazer em San Martín de Los Andes, além de como organizar sua mala, etc. Confira o guia completo.

O Que Fazer em San Martín de los Andes?

San Martín de los Andes é o destino turístico perfeito para quem gosta de explorar, para quem ama aventura e não se importa de caminhar percursos em trilhas de neve, em temperaturas que beiram os 10 graus negativos de sensação térmica.

É uma experiência única, sem precisar sair da América do Sul.

Uma das grandes atrações da cidade, é a maior reunião de observação de pássaros do continente, com diversas espécies migratórias.

Claro, a cidade também conta com uma excelente estação de esqui, com diversos esportes de inverno.

Já pegue o seu caderninho de roteiros, ou a sua agenda no celular, e comece a tomar nota do que você precisa conhecer em San Martín.

1. Lago Lácar

Lago Lácar

Créditos: Raúl Alejandro Rodríguez (Flickr)

É uma das melhores atrações de San Martín de los Andes, localizado em uma área com muitas florestas e com bastante tranquilidade.

Com formação glacial, as águas são geladas, mas atraem diversos turistas durante o verão.

O Lago está situado junto da Cordilheira dos Andes, a 630 metros de altitude, e conta com uma área pouco habitada.

É um local perfeito para quem quer caminhar junto a água ou até mesmo relaxar sentados em toalhas, na beira do lago.

A vista é realmente incrível, que se perde no horizonte, com lindas e incríveis montanhas.

A área tem cerca de 55 quilômetros quadrados, e uma profundidade máxima de 277 metros.

2. Playa de Quila Quila

Uma pequena vila que fica junto do Lago Lácar, e oferece diversas atrações de lazer para os turistas.

É o local ideal para os corajosos, que se arriscam em mergulhar nas águas geladas do Lago. Quem já mergulhou, diz que vale muito a pena.

É na Playa de Quila Quila que os turistas vão poder aproveitar também passeios de barco pela extensão do lago, esportes aquáticos diversos e outras atrações de passeios.

A Playa conta com alguns restaurantes e também uma feira de artesanato, com souvenirs especiais de San Martín.

Quila Quila fica a cerca de 15 quilômetros do centro de San Martín, em um caminho muito bonito, de diversas paisagens.

3. Avenida San Martín

Avenida San Martín

Créditos: Watchworm (Flickr)

É uma das principais avenidas da cidade, que conta com apenas 12 quadras, mas que oferece diversas lojas de artesanato, cafeterias, restaurantes e também três lindas praças.

O destaque fica por conta da Plaza San Martín, que tem o monumento de Don José de San Martín e a Paróquia San José, em homenagem ao padroeiro da cidade.

O centrinho, como é popularmente conhecido pelos brasileiros, é o local perfeito para poder acompanhar a vida tranquila de San Martín, de preferência, tomando um belo café, um chocolate quente, ou o famoso mate argentino.

Você precisa adicionar na lista do que fazer em San Martín de Los Andes.

4. Cascada Chachin

A cachoeira de Cachin está localizada no extremo oeste do Lago Lácar, bem próximo da fronteira com o Chile.

Situada nas margens do Lago Nonthué, é um local de difícil acesso, em um cruzeiro pelo lago que dura em torno de 3 horas, saindo do porto do Lago Lácar.

A viagem até a cachoeira vale muito a pena, pois os turistas podem conhecer a grande extensão do lago, até chegar ao destino, que é verdadeiramente um prêmio.

É possível chegar até a cachoeira de carro, através da Rota 48, mas o caminho pelo lago é muito mais atraente e divertido.

Aproveite para tirar lindas fotos no mirante do lago, que conta com uma bela vista da cachoeira.

5. Parque Nacional Lanín

Parque Nacional Lanín

Créditos: Leonardo Horacio Calderon (Flickr)

Com 413 mil hectares e situado na província de Neuquén, o Parque Nacional Lanín é o terceiro maior parque da Argentina e conta com muitos atrativos naturais, que atrai turistas de todas as partes da América.

É uma abundância de águas glaciais, espalhadas pelos mais de 20 lagos, montanhas suntuosas, rios, lindas paisagens e uma floresta estonteante.

Se já não bastassem todos esses atrativos, é no parque também que está localizado o Vulcão Lanín, que faz parte tanto da Argentina como do Chile.

Aproveite também para conhecer o parque através de trilhas, e se encantar com a vegetação, a fauna, a Capela Maria Auxiliadora del Paimún e Puerto Canoa, onde é possível fazer um cruzeiro através do Lago Huechulafquen.

6. Termas de Lahuen-Co

Quem é que resiste a todos os encantos e propriedades medicinais de águas vulcânicas, não é mesmo?

É possível curtir um pouco deste espetáculo da natureza em San Martín.

O Termas de Lahuen-Co, nome que significa “águas milagrosas” na língua indígena Mapuche, nativos da região, contam com piscinas naturais com águas que chegam até 60 graus no máximo, e 30 no mínimo.

Localizada no Lago Epulafquen, o local também conta com restaurante e um spa, no hotel do Termas.

É uma região de muita beleza natural, pelas montanhas, pela floreta e pela fauna, que conta com muitas aves de rapina.

7. Cerro Chapelco

Chapelco

Cerro Chapelco

Das águas quentes do termas, para uma das áreas de maior frio em San Martín de los Andes, o Cerro Chapelco.

É nele que está localizado a estação de esqui da cidade, que conta com muitas atrações para adultos e crianças.

As pistas são divididas em três níveis, iniciante, intermediário e avançado, e para chegar até os pontos mais altos, o local conta com um teleférico fechado, para até seis pessoas.

É uma estação muito frequentada na alta temporada e no inverno, o que acaba gerando filas no aluguel de equipamentos e de roupas.

A dica é chegar bem cedo ou fora de temporada, para poder curtir por mais tempo.

8. Rota dos 7 Lagos

A conhecida Ruta de los Siete Lagos é, talvez, umas das atrações que o turista já conhece antes mesmo de chegar em San Martín, já que ela tem um trajeto que abrange diversas cidades da Patagônia Argentina.

Ele consiste em um trajeto de, cerca de 110 quilômetros, que vai de San Martín de los Andes até Villa Angostura.

Ao todo, são 11 lagos glaciais, 4 a mais que o “divulgado” no nome do roteiro. São diversas paradas em mirantes e pontos estratégicos para fotos, lojas e restaurantes nas cidades.

É o passeio perfeito para conhecer um pouco da província, e o passeio tem excursões que saem de diversas cidades da Patagônia, como Bariloche.

9. Playa Catritre

Playa Catritre

Créditos: P.ghrian (Flickr)

Uma praia de água doce bem no meio da Patagônia Argentina, e que atraem diversos turistas que estão de férias em San Martín de los Andes, especialmente no verão.

Está localizada dentro do Parque Nacional Lanín, e conta com uma estrutura muito boa para receber famílias completas.

É um local muito conhecido e bastante frequentado durante o verão, e há diversos transportes públicos do centro da cidade até o local.

Um passeio interessante, é conhecer a Playa Catritre indo de bicicleta desde o centro da cidade.

A estrada é inteira pavimentada e fica a apenas 5 quilômetros do centro.

10. Comunidade de Curruhuinca: Mirante Bandurrias

Localizado dentro da Comunidade de Curruhuinca, onde é cobrada uma taxa para entrada, está o Mirante Bandurrias, um local que conta com vista privilegiada em San Martín.

O visual do lago Lácar é incrível e também da cidade de San Martín, vale a pena a subida até um dos mirantes mais bonitos da Patagônia.

Em dias de inverno, prepare suas melhores roupas, pois o local conta com ventos bem gelados.

11. Mirante Arrayan

Mirante Arrayan

Créditos: Renata Souza (Flickr)

Se você se encantou com a vista do mirante de Bandurrias, também vai gostar muito do Mirante Arrayan, que conta com uma vista panorâmica da cidade e dos lagos.

O ponto positivo é que este mirante é público, então não é preciso pagar taxas para poder subir.

O ponto negativo é o acesso até o local, que é feito através de uma estrada de cascalho, porém a subida até o mirante é tranquila e não tão cansativa.

É um passeio indicado para quem gosta da natureza e de belas fotos. O mirante garante uma ótima fotografia para poder estampar no seu porta retrato.

12. Rafting

Se você gosta de esportes de aventura, precisa se aventurar em um rafting, em uma descida pelo Rio Caleufú, que conta com diversas corredeiras e também piscinas naturais.

É uma descida com aventura, mas que pode ser praticada pela família, já que ela não oferece perigo, e os equipamentos são todos cedidos pelas empresas.

O valor é cobrado por pessoa e já estão inclusos todos os equipamentos necessários, como coletes salva-vidas, capacetes, etc.

13. Mountain Bike

Outro passeio muito divertido que pode ser feito com a família, são as trilhas de mountain bike, através do Parque Nacional Lanín.

As bicicletas podem ser alugadas nas lojas próximas ao parque, com todos os equipamentos necessários.

É um passeio muito gostoso, com cerca de 5 quilômetros de trilha. Lembre-se de usar tênis apropriados e, em dias de muito sol, não esqueça os óculos de sol.

Se você gosta de aventura, essa é outra atração essencial na lista do que fazer em San Martín de Los Andes.

14. Tirolesa e Caiaque

As atrações que as crianças mais adoram em San Martín de los Andes.

Além de poder desfrutar um pouco da beleza do Lago Lácar passeando em um caiaque, os adultos e as crianças podem curtir uma descida de tirolesa, entre as belas árvores da floresta do Parque Nacional.

O valor é cobrado por pessoa e as atrações são muito procuradas durante o verão. No outono e inverno as atrações podem não funcionar, devido aos ventos e ao frio intenso.

o que fazer em San Martín de Los Andes

Créditos: Fernando Diaz (Flickr)

Como é o clima em San Martín de Los Andes?

O verão conta com temperaturas muito agradáveis, é a época preferida dos turistas para conhecer a cidade.

Quase não chove e o céu é predominantemente sem nuvens, época ideal para fazer passeios ao ar livre.

As temperaturas no verão não ultrapassam os 28 graus, com média entre 20 e 25 graus, entre os meses de dezembro e fim de fevereiro.

Já o inverno conta com bastante frio, mas não com temperaturas tão baixas como outras cidades da Patagônia, Bariloche e Ushuaia, por exemplo.

O inverno conta com temperaturas de até 6 graus negativos, mas apenas em condições extremas. O normal são temperaturas entre 1 grau negativo e 10 graus.

De maio a setembro são os melhores meses para quem quer encontrar neve em San Martín de Los Andes.

Veja tambémOs 10 Melhores Hotéis em San Martín de Los Andes

Como chegar em San Martín de los Andes?

O Brasil não conta com voos diretos para San Martín de los Andes, é necessário fazer uma viagem até Buenos Aires, e de Buenos até o Aeroporto Aviador Carlos Campos, o principal aeroporto de San Martín.

A viagem dura aproximadamente duas horas e é oferecida pelas companhias Aerolineas Argentinas e Latam.

O centro da cidade está a apenas 22 quilômetros do aeroporto, e o trajeto pode ser feito de táxis ou os Remis, que é um transporte por aplicativo da Argentina.

É possível conhecer a cidade indo de ônibus, saindo de Buenos Aires, mas apesar de a passagem ser mais barata, a viagem dura em torno de 20 horas.

De carro dura um pouco menos, cerca de 16 horas, e a viagem é muito bonita, passando por diversas cidades, porém o valor é mais alto, considerando gasolina, pedágios e hospedagem.

O Que Levar na Mala?

Se você já arrumou a sua mala para San Martín de los Andes, e colocou roupas sociais, como vestidos longos, ternos, etc., a principal dica é: desfaça a sua mala e comece de novo.

Isto porque a ampla maioria das atrações de San Martín são com roupas de aventura, digamos assim, roupas para poder escalar montanhas de neve, esquiar, conhecer museus, florestas e muito mais.

Mesmo no verão, é indicado levar roupas para frio, já que a temperatura nas montanhas é muito baixa.

Contudo, também leve roupas mais leves, para poder aproveitar a temperatura de 28 graus, a mais alta da cidade na estação.

Se você for durante o inverno, capriche nas roupas impermeáveis e segunda pele, especialmente se for esquiar.

Caso não tenha roupas próprias para esquiar, não se preocupe, muitas lojas alugam peças de roupas para a ocasião.

Onde Reservar Passeios e Serviços com os Melhores Preços?

Organizando sua viagem para a Argentina? Quer economizar na compra de passeios incríveis?

A Civitatis é uma agência de viagens online especializada em passeios e experiências em diversas cidades do mundo todo – 100% confiável.

Além de oferecer centenas de ingressos diferentes (inclusive excursões GRÁTIS), ela consegue um preço único e abaixo do mercado para que você conhecer os principais passeios – com IOF incluso e cancelamento grátis até 48 horas antes da data marcada.

Para te ajudar, a empresa está com promoções relâmpago e com descontos específicos!

Atenção: se quiser garantir o seu desconto, não demore. A promoção irá terminar em 15 de agosto de 2020.

Clique no botão abaixo e reserve agora uma disputada entrada – sem ter que pegar fila na hora.

Quantos dias ficar em San Martín de los Andes?

Para poder aproveitar a idade e suas principais atrações, o ideal é ficar de 4 a 7 dias.

Tire um dia apenas para esquiar, além de outros dois dias para explorar a região. O restante, aproveitar os museus e restaurantes.

Quando neva em San Martín de los Andes?

O período de neve em San Martin dura 4 meses, e começa no final do mês de maio e vai até o final de setembro.

Como fazer a Rota dos 7 Lagos?

A melhor maneira de fazer a Rota dos 7 Lagos, com segurança, são com as companhias de passeios, por contar com guias especializados e experientes no caminho.

Eduardo Godoi

Eduardo Godoi

Jornalista, Músico e um verdadeiro fissurado por Cruzeiros e viagens. Com passagem pelo SBT Campinas como diretor de esportes, adora escrever reviews de viagens e tocar na banda Black Betty, de Campinas.

Deixe um comentário

Wow look at this!

This is an optional, highly
customizable off canvas area.

About Salient

The Castle
Unit 345
2500 Castle Dr
Manhattan, NY

T: +216 (0)40 3629 4753
E: hello@themenectar.com